BLOG

Acompanhe dicas de saúde, nutrição e bem-estar em nosso Blog.

Trombose: 5 mitos e verdades sobre a doença

outubro 13, 2016 0
trombose-sintomas-tratamento.jpg

A trombose é uma doença caracterizada pela formação ou desenvolvimento de um coágulo sanguíneo, conhecido como trombo. Quando o bloqueio do fluxo de sangue ocorre nas artérias, é conhecida como trombose arterial, e nas veias, é chamada de trombose venosa, sendo que neste último caso, o coágulo pode migrar para os pulmões e levar à embolia pulmonar.

Para que você possa conhecer um pouco mais sobre essa doença que é tão silenciosa e pode, inclusive, levar à morte, preparamos alguns mitos e verdades que podem ajudá-lo a identificar os sinais da trombose.

É possível prevenir a trombose

Verdade. É possível prevenir a doença com algumas mudanças no cotidiano. Manter uma dieta equilibrada, praticar exercícios físicos regularmente, evitar o consumo do álcool, alongar as pernas ao ficar sentado por longos períodos e não fumar são algumas formas de evitar a doença.

Anticoncepcional é uma das principais causas

Mito. Embora muitas pessoas acreditem que há uma forte relação entre o uso dos anticoncepcionais e o surgimento da trombose, essa verdade não se aplica a todos os medicamentos. Existem, sim, algumas poucas pílulas com alta dose de estrógeno, que interferem no equilíbrio da coagulação, favorecendo a formação de trombose. No entanto, a maioria dos anticoncepcionais é segura e pode ser usada por quase todas as mulheres. Para ter certeza de escolher a opção certa, é fundamental consultar o médico, que vai analisar qual o melhor medicamento para o seu organismo.

Dor é um dos sintomas

Verdade. Embora a trombose seja uma doença silenciosa, ela pode apresentar alguns sintomas como dor intensa na região afetada, rigidez na musculatura, vermelhidão, aumento da temperatura e endurecimento da pele. Dor nas pernas, inchaço e sensação de queimação também são alguns sinais de alerta.

trombose-mitos-verdades

Apenas mulheres têm a trombose

Mito. A doença pode ocorrer independente do sexo, e a incidência é semelhante entre homens e mulheres.

Existem fatores de risco

Verdade. Maus hábitos como não se exercitar e fumar podem aumentar a chance de desenvolver a trombose. Problemas como varizes, insuficiência cardíaca, obesidade, além de questões relacionadas à hereditariedade também estão entre os fatores de risco.

Aqui na Medquimheo você pode contar com uma equipe de hematologistas para tirar suas dúvidas sobre a trombose. Em caso de predisposição genética ou se sentir alguns dos sintomas, procure um médico que possa te auxiliar.


Deixe um comentário

Campos obrigatórios estão marcados com *