BLOG

Acompanhe dicas de saúde, nutrição e bem-estar em nosso Blog.

Medquimheo

leucemia-vira-leucemia-entenda.jpg

janeiro 30, 2018 AnemiaLeucemia0

Apesar da leucemia e a anemia serem patologias relacionadas ao sangue, você sabia que as duas possuem diferenças na forma que acometem os pacientes? Segundo especialistas, a anemia é um sintoma que pode estar presente em diversas doenças. O sinal pode aparecer por deficiência de ferro, porém, não se transforma em leucemia. No entanto, o paciente com este tipo de câncer geralmente apresenta a condição anêmica. Quer saber mais? Continue lendo!

Anemia x leucemia

 Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS) anemia é definida como a condição na qual o conteúdo de hemoglobina no sangue está abaixo do esperado. As anemias podem ser causadas por deficiência de vários nutrientes como ferro, zinco e vitamina B12.

A hematologista aqui da Medquimheo, Alessandra Prezoti, explica que a anemia mais frequente nas pessoas é a causada por deficiência de ferro. Denominada como anemia ferropriva, estima-se que correspondam a 90% de todos os casos de anemia. No entanto, a anemia ferropriva não evolui para leucemia.

Já a leucemia é um câncer maligno que tem início na medula óssea, local em que as células sanguíneas são produzidas, explica Prezoti. Na leucemia, os glóbulos brancos são as células atingidas. Por conta da patologia, elas começam a se reproduzir de forma desordenada fazendo com que o paciente desenvolva a patologia.

Para o tratamento de leucemia, devem ser realizados processos de quimioterapia, radioterapia ou até transplante de medula óssea.

Anemia: saiba quais são os sintomas

anemia-vira-leucemia

A condição anêmica ferropriva é frequente nas pessoas e possui tratamento simples, feito em geral com a suplementação de ferro. Como especifica Prezoti, indícios no corpo podem indicar a presença da patologia. Fadiga excessiva, palidez de pele e nas mucosas, menor disposição para o trabalho, devem ser observados.

Para saber um pouco mais de patologias sanguíneas é só acompanhar os nossos posts aqui no blog da Medquimheo!


farmaceutico.jpg

janeiro 19, 2018 Especialidades0

O Dia do Farmacêutico é comemorado na mesma data que celebra fundação da Associação Brasileira de Farmacêuticos, 20 de janeiro. Mundialmente, o dia do é comemorado em 25 de setembro. As duas datas enaltecem o profissional essencial na saúde pública, inclusive no tratamento do câncer. Para saber a influência do farmacêutico no processo de cura da patologia, é só continuar lendo!

Farmacêutico oncológico

A escolha pela especialização em farmácia oncológica requer do farmacêutico uma recorrente atualização sobre novos medicamentos ou terapias direcionados aos pacientes com câncer.

Para a farmacêutica aqui da Medquimheo, Priscila Spalenza, além de ter uma participação na medicamentação e no processo de tratamento do paciente, o profissional farmacêutico também contribui para a orientação do processo, oferecendo à equipe uma maior competência técnica sobre o medicamento ou terapia aplicada.

O farmacêutico no tratamento de câncer

No tratamento do câncer, o farmacêutico é responsável pelo controle de qualidade do medicamento. Além de elaborar os manuais de padronização dos procedimentos técnicos, o profissional também é incumbido pela gestão da farmácia clínica voltada ao setor de oncologia.

Relação paciente x profissional de farmácia

A boa relação entre o paciente e o profissional farmacêutico é importante para que haja adesão ao processo de tratamento. Além disso, o paciente deve ter consciência de algumas limitações consequentes no tratamento do câncer, e o papel do farmacêutico é determinante para explicações técnicas medicamentosas.

O profissional de farmácia na oncologia tem função determinante para o paciente no tratamento do câncer. Otimismo, confiança e esperança são indispensáveis para uma boa recuperação da patologia e que são repassadas ao paciente por meio do profissional.

Para saber um pouco mais sobre a atividade exercida pelo profissional de farmácia na Medquimheo, é só entrar em contato conosco ou acompanhar outros posts do nosso blog!


Dezembro-laranja.jpg

dezembro 19, 2017 Câncer de pele0

Segundo o Instituto Nacional de câncer, surgem mais de 175 mil melanomas por ano no Brasil

Com o verão, aparecem mais ocorrências de câncer de pele. Por este motivo, o Dezembro Laranja objetiva a conscientização dessa doença. Diretamente ligado ao sol, o câncer de pele é o câncer que representa cerca de 3% dos tumores malignos. De acordo com o Inca, mais de 5 mil novos casos de melanoma surgiram no último ano.

Melanoma: o que é?

O melanoma é um tumor maligno produzido por conta de algum tipo de deficiência na produção dos melanócitos, responsáveis pela produção do pigmento do nosso corpo, chamada de melanina.

Dentre as regiões em que o melanoma ocorre são comuns olhos, pele e orelhas. Nos piores casos, o câncer de pele pode atingir qualquer órgão do corpo humano por conta da metástase, ou seja, quando a patologia se espalha para outros órgãos, diferente de onde começou.

Exposição prolongada ao sol

A exposição ao sol é o principal fator de risco para a ocorrência desse tipo de doença. O câncer de pele não melanoma poderia ter sido reduzido em até 78% caso houvesse prevenção contra o sol por meio do protetor solar. Em relação ao tipo melanoma, poderia ter sido evitado em 50%. Por isso, algumas dicas para a prevenção e cuidado contra o câncer de pele são importantes.

Para a nossa oncologista, Dr. Morgana Stelzer Rossi, os melhores horários para pegar sol são durante a manhã, antes das 10 horas, e durante a tarde, após as 16 horas. A doutora informou que além disso, outros cuidados pós exposição ao sol também são muito importantes para a prevenção do melanoma.

Cuidados pós sol

Para a prevenção de câncer de pele, tipo melanoma ou não, são necessários cuidados para além da exposição ao sol. Depois da atividade ao ar livre, Rossi recomenda a hidratação por meio de água e de hidratantes para a pele e um banho gelado logo após a exposição do sol.

Para ter mais orientações sobre o câncer de pele, acompanhe o blog da Medquimheo e aprenda mais sobre como prevenir o câncer de pele.