BLOG

Acompanhe dicas de saúde, nutrição e bem-estar em nosso Blog.

Gravidez após o câncer de mama é possível

maio 15, 2017 0
gravidez-apos-o-cancer-de-mama-.jpg

A decisão de ter um filho após o tratamento de um câncer de mama deve ser vista com planejamento e cautela. Engravidar após ter um tumor é possível, sim, mas envolve uma série de questões que devem ser conversadas entre a paciente e o médico. Até o fim deste ano, segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca), no Brasil são esperados 57.960 casos novos de câncer de mama, então vamos falar sobre o assunto?

A gravidez não aumenta o risco de recidiva após um tratamento bem-sucedido para o câncer de mama. É o que explica o mastologista e ginecologista aqui da Medquimheo, Cleverson Gomes do Carmo Jr. “Devido à ligação bem estabelecida entre os níveis de estrogênio e o desenvolvimento deste tipo de câncer, geralmente há uma recomendação de não engravidar antes de pelo menos dois anos após o término do tratamento. Este período é fundamental para uma boa gestação”, detalha.

Amamentação

As mulheres que fizeram tratamento para o câncer de mama, e não precisaram retirá-la, podem amamentar sem restrições. Afinal, não existem células cancerígenas que possam ser transmitidas ou afetar a saúde do bebê.

gravidez-apos-o-cancer-de-mamaJá no caso das mulheres mastectomizadas, a retirada da mama e dos ductos mamários torna impossível a amamentação. “Mesmo em cirurgias parciais, se o tratamento envolver radioterapia, a produção de leite pode ficar comprometida, uma vez que a radiação afeta as células desse processo”, completa Dr. Cleverson.

Congelamento de óvulos

Entre as opções para as jovens que desejam ter filhos e tenham sido diagnosticadas com a doença está o congelamento de óvulos. É aconselhado congelar antes do início do tratamento, para que no futuro essas jovens possam recorrer à técnica de fertilização in vitro.

Só na Medquimheo você encontra o melhor tratamento contra o câncer em Vitória. Disponibilizamos uma equipe completa de mastologistas a sua disposição!


Deixe um comentário

Campos obrigatórios estão marcados com *