BLOG

Acompanhe dicas de saúde, nutrição e bem-estar em nosso Blog.

Falso O: tudo o que você precisa saber sobre o tipo sanguíneo

novembro 24, 2017 0
sangue-falso-o.jpg

Você conhece o sangue Falso O? O tipo sanguíneo é raro, sendo detectado em apenas 11 famílias no Brasil, segundo Secretaria de Saúde do Estado do Ceará. Por ser tão incomum, os “Bombaim”, como são chamados os indivíduos com essa condição, podem encontrar dificuldades para fazer uma transfusão sanguínea.

O Dia Internacional do Doador de Sangue, comemorado em 25 de novembro, chama atenção para o tema e para as curiosidades relacionadas, como o sangue Falso O. Quer saber mais? A nossa hematologista Alessandra Prezotti esclareceu sobre o tipo sanguíneo no post a seguir. Veja!

87 doadores do sangue em todo o mundo

Quando se fala de indivíduos com o tipo sanguíneo Falso O, o Dia Internacional do Doador de Sangue, se torna ainda mais relevante, principalmente no fim do ano, momento em que o número de doações diminui significativamente. Além disso, dados mais recentes da Organização Mundial da Saúde (OMS) revelam que existem apenas 87 doadores do tipo sanguíneo no mundo.

A hematologista aqui da Medquimheo Alessandra Prezotti explica que o Falso O é chamado dessa forma por ser erroneamente confundido pelo grupo O em alguns exames sanguíneos. “O sangue Falso O não possui o antígeno H, que é responsável pela expressão dos antígenos “A” e “B”. Isso explica o fato de ser identificado equivocadamente como pertencente do grupo O”, esclarece.

Falso O x Sangue “O”

O antígeno H também está presente no sangue O e esse é um dos fatores que o diferenciam do sangue falso O. Assim, quando os indivíduos “Bombaim” recebem sangue do tipo O, passam a produzir anticorpos contra o antígeno H e apresentar reação transfusional grave, levando à insuficiência renal e até mesmo à morte.

Apesar disso, Alessandra explica que os indivíduos com esse tipo sanguíneo não possuem riscos ligados à saúde de uma forma geral. “Não existem doenças relacionadas ao falso O, mas deve-se ter

Por que Bombaim?

Os portadores do sangue Falso O são chamados dessa forma pelo fato de que a cidade Bombai, na Índia, foi o primeiro local em que a doença foi identificada.

E já que estamos falando do Dia Internacional do Doador de Sangue, por que não se torna um? O fim de ano é a data ideal para fazer a doação, já que é quando os bancos ficam mais vazios. Doe vida!


Deixe um comentário

Campos obrigatórios estão marcados com *