BLOG

Acompanhe dicas de saúde, nutrição e bem-estar em nosso Blog.

Câncer de estômago: conheça os fatores de risco

outubro 11, 2019 0
câncer-de-estomago.jpg

Também conhecido como câncer gástrico, o câncer de estômago é um tumor maligno que pode afetar qualquer parte deste órgão. Geralmente, se inicia com uma úlcera, que provoca sintomas como azia, falta de apetite e dores no estômago. Aparece em 3º lugar na incidência entre homens e em 5º entre as mulheres.

Dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca) apontam que até o final deste ano cerca de 460 capixabas podem ter a doença. Desses, 310 são homens e 150 mulheres. No post de hoje, a oncologista clínica da Medquimheo, Carolina Conopca, vai te explicar um pouco mais sobre o câncer de estômago e te alertar para os fatores de risco. Continue lendo e confira!

Atenção aos fatores de risco do câncer de estômago!

  • Alimentação: alimentos mal armazenados e com pouca refrigeração, como salgados, defumados e embutidos, podem contribuir para o desenvolvimento do câncer de estômago. Além disso, uma dieta rica em carnes e pobre em frutas e vegetais também está associada à maiores chances de ter a doença;
  • Tabagismo: o risco de desenvolver o câncer de estômago dobra em fumantes;
  • Infecção por bactéria: o Helicobacter pylori (H. pylori) é uma bactéria que coloniza naturalmente a mucosa do estômago humano. Estudos mais recentes indicam que ela é capaz de causar alterações pré-malignas, que podem aumentar o risco de câncer.
  • Inflamação estomacal: sofrer de alguma inflamação do estômago por um longo período de tempo é sinal de alerta para procurar um médico com urgência.

Sintomas do câncer de estômago

Como não existem sintomas específicos do câncer de estômago, sua detecção torna-se mais difícil. Contudo, separamos alguns sinais que merecem atenção. Vale lembrar também que, caso sejam notados alguns deles, é preciso contar com um profissional para ter o diagnóstico certeiro. Confira:

  • Fadiga;
  • Azia grave e persistente;
  • Indigestão grave;
  • Náuseas e vômitos persistentes;
  • Sensação de inchaço após comer;
  • Dor de estômago;
  • Perda de peso sem explicação aparente.

Como é feito o diagnóstico do câncer de estômago?

Para realizar o diagnóstico da doença o médico pede exames, principalmente a endoscopia, por meio dessa é realizada a biópsia, para confirmar se o tecido afetado é mesmo canceroso. A tomografia computadorizada pode ser solicitada além de ressonância magnética.

Saiba como prevenir o câncer de estômago

Com medidas simples, você consegue reduzir drasticamente o risco da doença. Separamos as principais delas:

  • Comer mais frutas e legumes;
  • Reduzir a quantidade de alimentos salgados e defumados em sua dieta alimentar;
  • Parar de fumar.

Fonte: Dra. Carolina Conopca – oncologista clínica – CRM: 11.130

Separamos outros conteúdos do nosso Blog que também vão te interessar. Veja:

1. Exames oncológicos: como e quando fazer?

2. #DicaDaNutri: alimentação saudável começa na infância


Deixe um comentário

Campos obrigatórios estão marcados com *